Parto em Casa é tão Seguro como o Parto feito no Hospital?

Ao engravidar, uma das principais preocupações das mulheres é com a hora do parto, não só por causa da dor, mas principalmente com o que pode acontecer com o bebê.

Muitas mulheres e bebes saudáveis podem passar por muitas coisas ruins ou até morrerem em um parto feito da forma errada.

Mesmo com toda a tecnologia e modernidade de hoje, muitas mulheres optam por ter partos humanizados ou em sua própria casa. Mas há uma dúvida, será que esse tipo de parto é tão seguro quanto os realizados em um hospital?

Como Funciona um Parto em Casa

O parto domiciliar é um assunto que causa polémica até hoje. Para tentar chegar a uma conclusão sobre a segurança desse tipo de parto, pesquisadores da Universidade de Tecnologia de Sydney, na Austrália, realizaram buscas em cinco bases de dados de artigos científicos.

Os pesquisadores queriam reunir todos os comparativos entre partos no hospital, em casa e em centros de partos, com gestantes de baixo risco e sem cesárea anterior.

Os cientistas leram 28 artigos publicados entre 2000 e 2016 que atenderam aos critérios de exigência.

Os documentos continham informações sobre mortalidade perinatal, via de nascimento, complicações maternas e admissões em UTI neonatal.

As informações são de países como Austrália, Japão, Estados Unidos e Holanda.

Conclusão do estudo

Após analisar e cruzar todos os dados e informações, os cientistas chegaram a conclusão de que não há diferença estatisticamente significativa em relação à óbito fetal ou neonatal precoce na comparação entre parto domiciliar e parto hospitalar.

Quer dizer, de acordo com a pesquisa, não há risco maior em casa e nem menor no hospital, os números são parecidos.

Além disso, as mulheres que decidiram ter seus filhos em um centro de parto ou em casa tinham chances menores de intervenção e morbidade severa.

Então, os pesquisadores entenderam que o parto domiciliar não aumenta o risco de morte do bebê e da sua mãe ou internação em UTI neonatal para o recém-nascido.

Dados Sobre o Parto em Casa

Dados revelados pelo estudo em relação aos partos em casa

23% menos chance de hemorragia pós-parto;

43% menos chances de uma laceração perineal grave;

15% mais chances de um períneo íntegro;

63% menos riscos de um parto instrumental (fórceps ou vácuo)

65% menos chances de terminar em uma cesárea;

Três vezes mais chances de conseguir um parto vaginal normal.

É importante destacar que esse estudo foi baseado nos dados de mulheres que moram em países ricos, ou seja, essa pesquisa não leva em conta as mulheres que vivem em situação de miséria e que não têm condições de saúde e nem de estrutura para ter seu filho em casa.

Advertisement