Brincadeiras para crianças: 10 ideias para aproveitar o tempo em família

As crianças de hoje em dia brincam muito menos na rua e com os amiguinhos do que você quando era criança e adolescente, isso é um fato.

O tablet virou a principal companhia de muitos pequenos, contrariando as recomendações dos especialistas de que as brincadeiras para crianças são insubstituíveis.

Toda criança deve ter contato social com outras, pisar na grama, mexer na terra e fazer atividades com brinquedos de verdade que estimulem à criatividade e liberem energia.

10 ideias de brincadeiras para crianças

Então, em época de férias, nos fins de semana ou nos dias de folga dos pais, a dica para se entreterem em família é apostar nas brincadeiras para crianças. Uma ótima ideia é o pais aproveitarem para ensinar aos filhos àquelas que tinham na infância.

Com certeza será uma experiência enriquecedora, além de render gargalhadas e causar o estreitamento do laço entre pais e filhos, que é fundamental para uma convivência saudável e feliz.

Gostou da ideia? Então confira algumas sugestões bem legais de brincadeiras para ensinar às crianças e divirtam-se.

  1. Telefone sem fio

Essa brincadeira é uma boa sugestão para os dias de chuva, pois pode ser feita dentro de casa e não precisa de nenhum instrumento, só de muitas pessoas, quanto mais, melhor.

O telefone sem fio consiste em fazer uma fileira de pessoas. A primeira de uma das pontas irá dizer uma frase simples do ouvido da pessoa que estiver ao seu lado e a mensagem vai sendo passada de um para o outro até chegar na outra ponta.

Dificilmente a frase que chegar do outro lado vai ser a mesma do início, pois cada pessoa vai entendendo uma palavra diferente e mudando a frase sem querer. É aí que está a graça da brincadeira.

  1. Morto-vivo

Essa é outra brincadeira para fazer dentro de casa, mas também pode ser feita no quintal. Quanto mais crianças, mais divertido. Todas devem ficar de pé, lado a lado. Outra criança ou adulto será o comandante que vai dizer “vivo” para ficar de pé e “morto” para agachar.

O comandante vai dizendo esses dois comandos de forma alternada na intenção de confundir as crianças. As que errarem o comando vão saindo da brincadeira até que sobre apenas o ganhador.

Outro benefício das brincadeiras para crianças que envolvem atividade física é que ajudam a prevenir ou tratar a obesidade e o colesterol infantil.

  1. Pular corda

Para gastar energia e estimular os músculos, essa é uma excelente opção entre as brincadeiras para crianças. Só vai precisar de uma corda com pelo menos 2 metros e meio de comprimento. O tamanho da corda deve aumentar conforme a altura das crianças que vão brincar.

Para essa brincadeira é necessário ter pelo menos 3 pessoas, duas para segurar e rodar a corda e uma para pular. Essa brincadeira não tem fim, pois podem-se ir variando as velocidades conforme a habilidade que as crianças forem ganhando com o tempo.

Depois de tanto brincar de pular, ofereça deliciosas bolachas saudáveis para repor as energias dos pequenos. Se não puder fazer receitas caseiras, veja sugestões de lanches industrializados aceitáveis para dar aos seus filhos.

  1. Estátua

O melhor é fazer essa brincadeira no quintal, mas se tiver espaço na sala de casa, também dá para brincar. A estátua é bem simples e divertida. As crianças ficam correndo ou dançando até que um comandante diga “estátua”.

Então todos “congelam” na pose que estavam e o comandante irá provocá-los, sem encostar, estimulando para que se mexam e percam a vez. Quem aguentar as provocações sem se mover é o vencedor.

  1. Jogos de tabuleiro

Os jogos de tabuleiro não podem ficar de fora das brincadeiras para crianças. São opções bem variadas para todos os gostos e idades, sempre podendo incluir adultos no jogo, então dá para brincar com a família toda. Esses jogos estimulam o espírito de equipe, a competitividade saudável e o raciocínio.

Vá a uma loja de brinquedos e escolha opções entre ludo, damas, tabuleiros para jogos múltiplos, banco imobiliário e tantos outros.

  1. Dança das cadeiras

Por fim, mais uma das brincadeiras para crianças se movimentarem e estimularem os sentidos. A dança das cadeiras consiste em montar um círculo com cadeiras viradas com o assento para fora. A quantidade deve ser 1 a menos com relação à quantidade de crianças, por exemplo, se tiverem 10 crianças vai precisar de 9 cadeiras.

As crianças devem ficar andando em volta do círculo de cadeiras enquanto toca uma música. Uma pessoa fica responsável por pausar a música em um momento inesperado, então todas as crianças devem se sentar. Uma delas vai ficar de fora, então deve-se retirar uma cadeira da roda e continuar a brincadeira até que sobre apenas 2 crianças e 1 cadeira.

Brincadeiras para crianças fazerem sozinhas

A diversão em grupo é sempre boa! Mas nem sempre dá para reunir com os amigos, primos, familiares ou até mesmos os pais, padrinhos e tios estão sem tempo. Mas isso não é sinal que as crianças devam ficar trancadas dentro de casa ou na frente da televisão (tabletes ou celulares). Dá sempre para criar brincadeiras para elas se divertirem sozinhas. Veja alguns opções:

  1. Massinha de modelar

Toda criança adora brincar com massinha de modelar. Os pais podem comprar massinhas prontas ou podem fazer uma receita caseira que, inclusive, as crianças podem ajudar na confecção.

Assim a brincadeira já começa na cozinha e fica bem mais divertido brincar com o brinquedo fabricado em casa. Veja um tutorial de massinha de modelar caseira com uma receita fácil para testar:

  1. Bolhas de sabão

Para os dias de sol, essa brincadeira é muito divertida. Pode ser feita com crianças a partir dos 2 anos de idade que já tenham habilidade ao soprar. Se o seu pequeno ainda não souber diferenciar soprar de sugar, evite essa brincadeira, pois envolve sabão líquido e ele poderá engolir sem querer.

Você só precisa preparar copinhos com um pouco de água e sabão. Misture bem para dar espuma e entregue um copinho com um canudinho para cada criança fazer suas bolhas correndo pelo quintal.

Os pequenos que não puderem fazer as bolhas vão brincar de caçá-las para estourá-las, então todos se envolvem.

  1. Brincadeiras para crianças com papel

Com uma resma de papel e alguns lápis coloridos dá para inventar uma série de brincadeiras, de acordo com a idade das crianças. É possível fazer origami (dobradura), brincar de desenho cego e, se tiverem mais crianças, também de “stop ou adedanha”, para aquelas que já sabem ler e escrever.

  1. Amarelinha

Para fechar essa lista, uma brincadeira para gastar energia, treinar o equilíbrio e a coordenação motora. A amarelinha consiste em desenhar no chão (com giz de quadro negro) um caminho composto por quadradinhos enumerados de 1 a 10.

A criança irá jogar uma pedrinha em um quadrado de cada vez, cumprindo o caminho sem pisar nas linhas desenhadas.

Advertisement